sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

estoicismo sofrido

Torna-se tudo tão mais doloroso quando estando mergulhados na dor,nos agarrámos a ela como dois amantes loucos vivendo a ilusão de um amor...
A razão porque o fazemos?!Ou por prazer ou por preguiça...quero acreditar que não o fazemos por nenhum destes motivos quero,antes,(até porque a ideia é bem mais reconfortante)acreditar que existem forças superiores a nós que fazem com que não nos apercebamos do mistério,escuridão,abismo,profundeza em que dia após dia nos vamos encontrando.
Se outros,anteriores a nós, conseguiram viver intensa e apaixonadamente em que havemos nós de ser diferentes?!No estoicismo,pois claro!
(...)Oferecemos sorrisos involuntariamente para escondermos o que sentimos,para facilitar esta íngreme mas necessária viagem...quão reconfortante!
(...)Tantos sorrisos por brilhar,tantas lágrimas contidas,tanto soluço "surdo"...terá valido a pena uma vez que fomos nós que saímos perder?!

1 comentário:

Diogo Lopes disse...

Os nossos sorrisos e segurança aparentes, escondem a dor com a qual nos envolvemos intensamente e da qual nos tentamos libertar mas sempre sem sucesso pois esta é nos inerente, devido à força com que nos marcou!
E também escondem a insegurança e o desampâro que sentimos!
Adoro-t!
Bjao